Conheça Rappers que foram banidos das redes sociais

Quase todo mundo tem perfil em rede sociais. O que os artistas e influenciadores têm à frente de muitos é um alcance maior. Mas uma influência ainda maior não protege contra punições. Aqui você pode descobrir quais rappers tiveram que fazer uma pausa involuntária na atuação no Instagram, Facebook, Twitter e companhia. Conheça rappers que forão banidos das redes sociais.

Rappers que foram banidos das redes sociais

Freddie Gibbs com histórias muito selvagens do Insta

As histórias de Freddie Gibbs no instagram têm de tudo. O estranho humor da Internet encontra um lar lá. Mas recentemente o gangsta rapper aparentemente ultrapassou o limite.

De acordo com Freddie, foi uma história muito antiga com “um mano sem braços” que o levou ao exílio.

O Instagram claramente viu a postagem como uma violação das diretrizes da comunidade. Nesse ínterim, Freddie Gibbs mudou para outra plataforma.

Lil B tem muito amor para dar (para todos)

Lil B foi acusado de discurso de ódio pelo Facebook em 2017 . Como a empresa tem mais influência nesse caso, medidas foram tomadas contra o rapper. As mensagens do Rapper foram retidas por 30 dias.

Dizem que o rapper expressou seu amor por todas as pessoas em uma postagem – de acordo com informações da revista Billboard , membros do KKK e nazistas também foram incluídos. Isso aparentemente foi longe demais para o Facebook. Lil B suspeitou de outros motivos.

Boonk Gang e seus videos de sexo

Em 2018, Boonk Gang teve o que é conhecido como um verdadeiro hype. Depois que ele conseguiu aumentar seu número de seguidores no Instagram para mais de 5 milhões com vídeos cada vez mais provocantes, o assunto ficou complicado.

Ele começou a postar videos de sexo explicito em seus storys do instagram,cada dia com uma mulher diferente. Ele foi banido da plataforma mas seus videos ainda estão na internet toda.

Money Boy ameaça mas é banido

Quando a hashtag #freemoneyboy circulou no Twitter em 2015 , estava claro: os administradores da plataforma não podiam mais assistir ao grind de Mbeezy à toa.

O encanto caiu em um momento em que o vienense ainda se divertia duvidosamente com a queda de um avião e proferindo ameaças de morte aleatórias – tudo para provocar a risada da base de fãs familiarizada com o humor.

No entanto, essa incorreção política foi demais para a plataforma de mídia social. Hoje Money Boy está de volta na linha do tempo, tweetando coisas menos doidas.

Tory Lanez convida você para twerk

“Quarantine Radio” de Tory Lanez é um ponto de encontro para muitos fãs de música durante a crise de Corona. Drake e Justin Bieber dão uma olhada, há um bate – papo com DMX e os dançarinos recebem atenção também.

Quando mais de 300.000 pessoas assistiram ao trabalho de uma mulher algumas semanas atrás, o Instagram encerrou o espetáculo. Um brinquedo que não cabia nas mãos das crianças fazia parte de sua encenação muito reveladora.

O CEO do Instagram afirmou que isso violava as diretrizes da comunidade e que essas regras se aplicavam a todos – incluindo estrelas dos EUA. No entanto, a proibição foi rapidamente suspensa.

Deixe uma resposta